------------------ PERFIL EPIDEMIOLÓGICO DE PACIENTES PORTADORES DE UROLITÍASE EM SANTARÉM-PA

Estudo Original

Ver autores ⯆

OBJETIVO: Neste estudo objetiva-se conhecer o perfil epidemiológico dos pacientes com urolitíase, no município de Santarém, identificando sua prevalência geral quanto ao sexo, distribuição por ano, idade, etnia e tipo de atendimento. MÉTODOS: Estudo quantitativo com dados epidemiológicos sobre a urolitíase no município de Santarém, relativos ao período compreendido entre 2010 e 2020, obtidos de DATASUS. Os dados foram analisados para identificar a prevalência geral, masculina e feminina da urolitíase, a distribuição por ano, idade, etnia e tipo de atendimento. RESULTADOS: Ocorreram 552 atendimentos por urolitíase no município de Santarém nos dez anos estudados, com média anual de 55,2 casos. 51,5% dos pacientes são do sexo feminino. O predomínio geral encontrado para a urolitíase foi 184/100.000 habitantes. A prevalência masculina foi 89,3/100.000 e a feminina de 94,6/100.000. A faixa etária com o maior número de pacientes masculinos atendidos foi entre 50 e 59 anos e feminino de 30 a 39 anos. Do total, 60,7% dos atendimentos foram de caráter eletivo, porém 44% dos atendimentos femininos foram de urgência e masculinos 34,5%. Quanto a etnia, 86% dos pacientes, no geral, eram pardos e o ano de 2017 teve o maior pico de casos por urolitíase com 81 casos confirmados. CONCLUSÕES: Foi possível identificar que, em Santarém, o sexo feminino é mais acometido pela urolitíase do que o masculino. O pico de casos ocorreu em faixas etárias diferentes sendo o feminino de 30 a 39 anos e masculino de 50 a 59 anos. Quanto à etnia houve prevalência de pacientes pardos com um total de 475, mas não se encontrou relação da etnia com a urolitíase. Em relação ao caráter de atendimento foi percebido que a demanda no setor de urgência é maior para o sexo feminino do que para o masculino, porém, no geral se sobressai o atendimento eletivo.

bok.jpg

Cursos

Conceitos em Cirurgia Vascular

 

Minicurso de Atendimento ao Trauma por Abuso Sexual

 

Minicurso de Farmacologia da Cirurgia Vascular

 

Minicurso sobre Luto

LICIVASC 2020. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Italo Constâncio - Algum problema no site?

beta