------------------ Revascularização transcarotídea: uma nova estratégia de tratamento cirúrgico da carótida - Revisão de Literatura

Revisão de Literatura

Ver autores ⯆

OBJETIVO: Revisão narrativa da literatura científica sobre a revascularização transcarotídea (TCAR) como método cirúrgico para tratamento da carótida, comparando-o com outros métodos. MÉTODOS: Pesquisa bibliográfica de artigos indexados na base de dados PubMed dos últimos 5 anos com uso dos descritores “carotid stenosis”, “therapeutics” e “adverse effects”. Houve pré-seleção de 20 trabalhos pela análise de títulos e 18 pela seleção de resumos, dos quais 16 foram habilitados quanto aos critérios de inclusão por atenderem o objeto de estudo na íntegra. RESULTADOS: A técnica de reversão do fluxo sanguíneo na entrega do stent permite minimizar o risco embólico, assim o TCAR se destaca como uma alternativa ao stent transfemoral na artéria carótida (TFCAS). Nos estudos em que houve acompanhamento de 30 dias pós-operatórios ou de 1 ano pós-intervenção, as taxas de ataque isquêmico transitório (AIT)/acidente vascular cerebral (AVC)/infarto agudo do miocárdio (IAM)/morte associadas ao TCAR se mostraram significativamente menores em relação ao TFCAS. Em comparação à endarterectomia da carótida (CEA), apesar do TCAR apresentar taxas semelhantes, ou comparáveis, no que tange à hospitalização por tais agravos, ele se mostra como uma opção minimamente invasiva e com riscos reduzidos de lesão de nervo craniano, o que o torna uma opção viável aos pacientes de alto risco para CEA e/ou de idade avançada. Contudo, critérios anatômicos de diâmetro da artéria carótida comum (CCA)<6mm, distância de bifurcação clavícula-carótida<5cm e placa significativa na ponta de punção pretendido da CCA constituem contra-indicações à elegibilidade do TCAR. CONCLUSÃO: O TCAR é um método relativamente eficiente, seguro e promissor, independente da idade do paciente, sendo uma boa alternativa ao TFCAS e CEA. No entanto, por ser recente, obtivemos poucos estudos comparativos, que são necessários para confirmar sua segurança e sua menor taxa de complicações.

bok.jpg

Cursos

Conceitos em Cirurgia Vascular

 

Minicurso de Atendimento ao Trauma por Abuso Sexual

 

Minicurso de Farmacologia da Cirurgia Vascular

 

Minicurso sobre Luto

LICIVASC 2020. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Italo Constâncio - Algum problema no site?

beta