------------------ PREVALÊNCIA DAS INTERNAÇÕES POR CIRURGIA BARIÁTRICA POR VIDEOLAPAROSCOPIA NO BRASIL NO PERÍODO DE 2017 A 2019

Estudo Original

Ver autores ⯆

OBJETIVO: O objetivo do estudo é identificar a prevalência das internações de cirurgia bariátrica por videolaparoscopia no Brasil. MÉTODOS: Trata-se de estudo transversal descritivo, de abordagem quantitativa. Os dados foram extraídos do Departamento de Informática do SUS - DATASUS, por meio do acesso em assistência à saúde, produção hospitalar (SIH-SUS) e dados consolidados AIH, após a sequência foi utilizando o filtro para período de 2017 a 2019, juntamente com o filtro que selecionava a demanda da cirurgia bariátrica por videolaparoscopia na Região Nordeste, Sudeste, Sul, Centro-Oeste e Norte. RESULTADOS: Foram notificadas 1.563 internações pela realização de cirurgia bariátrica por videolaparoscopia no serviço de saúde público e privado, compreendidas no período entre 2017 e 2019, as quais foram realizadas 42,03% na Região Nordeste, 33,14% na Região Sudeste, 17,14% na Região Sul, 7,16% na Região Centro-Oeste e 0,51% na Região Norte. O número de óbitos pela realização do procedimento compreende 0,06%, com somente um óbito registrado nesse período. CONCLUSÕES: Portanto, foi verificado que a cirurgia bariátrica por videolaparoscopia é um procedimento hospitalar que possui uma baixa aplicação no Brasil, de acordo com as internações por local nas regiões brasileiras. Além disso, foi possível observar que a Região Nordeste apresentou uma procura maior por essa cirurgia, e a nível nacional houve um pequeno número de óbitos pela quantidade de notificações.

bok.jpg

Cursos

Conceitos em Cirurgia Vascular

 

Minicurso de Atendimento ao Trauma por Abuso Sexual

 

Minicurso de Farmacologia da Cirurgia Vascular

 

Minicurso sobre Luto

LICIVASC 2020. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Italo Constâncio - Algum problema no site?

beta