------------------ Leiomioma uterino e sua relação com sangramento puerperal primário: Revisão Integrativa

Revisão de Literatura

Ver autores ⯆

OBJETIVO: Descrever a relação entre o leiomioma uterino, a inércia uterina e o sangramento puerperal primário. MÉTODOS: Realizou-se uma revisão integrativa com busca nas bases de dados PubMed, Science Direct e BVS, utilizando os descritores leiomyoma, pospartum hemorrhage e uterine inertia, encontrando respectivamente 1, 11 e 2 artigos, após aplicação do critério de inclusão de publicações entre 2015 e 2020, foi realizado a leitura de todos os títulos e resumos, ao final foram incluídos 4 artigos, nos idiomas inglês ou português, disponíveis completo e online. Foram excluídos os editoriais e artigos que não atendem critérios de inclusão. RESULTADOS: Os leiomiomas uterinos possuem alta taxa de prevalência, afetando grande parte das mulheres em idade reprodutiva. No tocante aos desfechos obstétricos negativos, os leiomiomas aumentam a taxa de abortos não provocados e podem inércia uterina. A depender de fatores como volume e localização, ele pode dificultar a contração e a retração uterina no pós-parto, causando hemorragia. É importante entender que hemorragia pós-parto, ou sangramento puerperal primário, compreende a perda sanguínea > 500 mL após a expulsão do concepto nas primeiras 24 horas, sendo mais preocupante as perdas > 1.000 mL por apresentarem maiores repercussões que podem causar instabilidade hemodinâmica. Dessa forma, a inércia uterina, principal causa de hemorragia pós-parto, pode levar à necessidade de tratamento clínico com medicação uterotônica, e nos casos mais graves, ao tratamento cirúrgico. CONCLUSÕES: O tamanho e localização do leiomioma está associado ao sangramento puerperal primário, logo faz-se necessária a identificação detalhada de leiomiomas durante o pré-natal, devendo ser feita entre 4 e 6 semanas de gestação através da ultrassonografia.

bok.jpg

Cursos

Conceitos em Cirurgia Vascular

 

Minicurso de Atendimento ao Trauma por Abuso Sexual

 

Minicurso de Farmacologia da Cirurgia Vascular

 

Minicurso sobre Luto

LICIVASC 2020. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Italo Constâncio - Algum problema no site?

beta