------------------ Ligadura da artéria carótica externa para controle de hemorragias graves na região da cabeça e pescoço – revisão abrangente da literatura

Revisão de Literatura

Ver autores ⯆

OBJETIVO: por meio de uma revisão integrativa da literatura, avaliar a morbimortalidade e a eficácia da ligadura uni ou bilateral da carótida externa (ACE) para conter hemorragias graves na região da cabeça e pescoço ou para a prevenção de sangramentos em oncocirurgias. MÉTODO: levantamento de artigos indexados na base de dados PubMed, a partir de 1990. Estratégia de busca (MeSH terms): ((external carotid arterym) AND (hemorrhage OR haemorrhage OR bleeding) AND (ligature)). RESULTADOS: primariamente, foram obtidas 260 referências. Após aplicação dos critérios de exclusão/inclusão, restaram 35 artigos, os quais foram usados no presente estudo. Hemorragia pós-operatória é a complicação mais prevalente, potencialmente fatal, tanto nas cirurgias de remoção de tumores da orofaringe quanto em tonsilectomias. Em situações de sangramento profuso, inclusive aqueles decorrentes de trauma na região cervicofacial, o tratamento de escolha é a ligadura direta do vaso lesionado. Contudo, a ligadura da ACE pode estar indicada e, nesse caso, haverá perfusão sanguínea dos tecidos ipsilaterais por meio da ACE contralateral ou por meio do círculo arterial cerebral de Willis. Acesso é feito na zona II cervical e, apesar da proximidade com outras estruturas neurovasculares, a técnica é simples e de baixa morbidade. Se realizada bilateralmente, a ligadura da ACE aumenta o fluxo sanguíneo na artéria carótida interna, mas não se comprova alteração da perfusão cerebral ou surgimento de hemorragias encefálicas em indivíduos predispostos. Evidencia-se baixo índice de complicações, mas a técnica não é 100% eficaz na estabilização do sangramento, provavelmente pela rede anastomótica da região craniofacial, levando autores a preconizarem a ligadura concomitante de ramos da ACE. CONCLUSÕES: Em casos de hemorragia grave na região da cabeça e pescoço, a ligadura da ACE é uma técnica viável e de baixa morbidade, com mínimos efeitos adversos, mas pode requerer a ligadura de outros ramos arteriais.

bok.jpg

Cursos

Conceitos em Cirurgia Vascular

 

Minicurso de Atendimento ao Trauma por Abuso Sexual

 

Minicurso de Farmacologia da Cirurgia Vascular

 

Minicurso sobre Luto

LICIVASC 2020. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Italo Constâncio - Algum problema no site?

beta