------------------ Resultados da angioembolização no trauma abdominal contuso: uma revisão integrativa

Revisão de Literatura

Ver autores ⯆

Objetivo: Analisar os principais resultados da angioembolização precoce frente a conduta terapêutica no trauma abdominal contuso hepático e esplênico. Metodologia: Tratou-se de uma revisão integrativa da literatura científica utilizado as bases PUBMED, LILACS, MEDLINE, SciELO. Utilizou-se os seguintes descritores: angioembolização, trauma contuso, tratamento, nos idiomas português e inglêsno período de 2009 a 2020. Resultados: Foram encontrados 75 artigos. Destes, 20 abordavam a temática. Cerca de 70% dos artigos afirmam que a taxa de mortalidade reduziu abruptamente com o início precoce de embolização hepática em trauma contuso, sendo a mesma feita antes do atendimento hospitalar. Outrossim, 62% dos artigos guiavam os estudos para a amostra do baço enquanto órgão nobre mais preservado com a angioembolização de emergência. De fato, por serem dois órgãos extremamente vascularizados, o estudo mostra uma redução de possíveis complicações como, o choque hemorrágico. Conclusão: O uso precoce da angioembolização no trauma abdominal contuso é fator decisivo no prognóstico. Fundamente por auxiliar na preservação funcional de órgãos nobres como o fígado e o baço. Dessa forma, faz-se necessário aumentar a acessibilidade da técnica, visto que,se utilizada com maior frequência, pode ser ainda mais eficaz no controle da hemorragia de origem arterial em paciente instáveis com lesões leves e ou graves.

bok.jpg

Cursos

Conceitos em Cirurgia Vascular

 

Minicurso de Atendimento ao Trauma por Abuso Sexual

 

Minicurso de Farmacologia da Cirurgia Vascular

 

Minicurso sobre Luto

LICIVASC 2020. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Italo Constâncio - Algum problema no site?

beta