------------------ Abordagem Cirúrgica na Síndrome de Treacher Collins: Uma Revisão da Literatura

Revisão de Literatura

Ver autores ⯆

OBJETIVO: Descrever as principais intervenções cirúrgicas que possibilitam uma melhor qualidade de vida do indivíduo com síndrome de Treacher Collins. MÉTODOS: Trata-se de uma revisão integrativa da literatura, realizada com artigos selecionados nas bases de dados SCIELO, PubMed e Google Scholar, por meio dos Descritores em Ciências da Saúde (DeCS) e seus sinônimos: “Mandibulofacial dysostosis, surgical procedures, operative, disostose mandibulofacial e procedimentos cirúrgicos operatórios”. Foram encontrados 927 artigos e, dentre esses, 20 foram selecionados, sendo os critérios de inclusão estudos publicados em inglês e português entre os anos de 2012 a 2019 e a relevância temática. RESULTADOS: A síndrome de Treacher Collins ou Disostose Mandibulofacial é causada por mutações gênicas. O fenótipo é variável, incluindo microtia ou anotia, hipoplasia malar, mandibular e zigomática, hipodesenvolvimento dos tecidos moles, perda auditiva, dificuldade respiratória, coloboma de pálpebras inferiores e fissura ou estreitamento do palato. O tratamento cirúrgico é realizado de forma segmentada, respeitando o crescimento de cada região da face e crânio. A fase precoce visa corrigir problemas respiratórios e melhorar a alimentação, com traqueostomia temporária, correção da atresia de coanas e gastrostomia. A segunda fase objetiva a restruturação do terço superior da face e melhoria da audição e fala, incluindo reconstrução da órbita, blefaroplastia, cantoplastia, prótese auditiva com vibrador ósseo e, posteriormente, prótese ancorada no osso, além do reparo do pavilhão auditivo com cartilagem costal. A terceira fase volta-se para a finalização da restruturação da face, a partir da cirurgia ortognática, rinoplastia, mentoplastia, reconstrução zigomática e refinamento de tecidos moles. CONCLUSÕES: O tratamento cirúrgico permite reparar alterações faciais provocadas pela síndrome de Treacher Collins, sendo essencial para melhorias funcionais e estéticas e maior qualidade de vida.

bok.jpg

Cursos

Conceitos em Cirurgia Vascular

 

Minicurso de Atendimento ao Trauma por Abuso Sexual

 

Minicurso de Farmacologia da Cirurgia Vascular

 

Minicurso sobre Luto

LICIVASC 2020. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Italo Constâncio - Algum problema no site?

beta